SOBRE O AUTOR - Caraguá Beach
.

SOBRE O AUTOR

Minha família me chama de Alex, os conhecidos me chamam de Alexander, os meus amigos me chamam de Alê. Todo o restante me chama de "Oww"! Mas no final das contas nem precisa me chamar, eu vou de qualquer jeito!

Gosto mesmo é de parar pra conversar, perder nem que sejam 5 minutinhos, melhor ainda se for uma noite toda sentado num bar, comendo porções e aquela boa cerveja!

Por ser aquariano, minha personalidade é calma e serena, uma tartaruga contando as estrelas. Pelo menos é o que eu aparento. A real é que minha cabeça não para, sou inquieto, curioso, gosto de falar, fazer os outros rirem, colocar em pauta as questões mais evasivas que alguém pode imaginar. Mas sou legal, tô legal...

Tenho um jeito irônico, sarcástico, e até mesmo tem gente que acha que sou mal humorado por conta disso. Não sou não! Quem me conhece sabe que tenho um jeito peculiar de falar, sabe que sou direto, sem enrolações, e não sou sentimental. Simplesmente acho que tudo tem sua dosagem certa.
Claro que muitas vezes sou totalmente ao contrário de tudo o que falei, às vezes...

Tenho 25 anos, estudo Jornalismo, e tenho o sonho de fazer com que as pessoas enxerguem as palavras como a maior força de união que a humanidade pode ter. Ouvi uma vez de um professor, que o mundo está uma desgraça porquê não existe um bom jornalismo. Em partes eu até concordo. Imagina a imprensa falando a verdade? mostrando tudo o que acontece sem interesses pessoais? Sem pensar em dinheiro?

Claro que o jornalismo, assim como qualquer área profissional, é diretamente afetada pelo dinheiro - ninguém faz nada sem ‘money’ -, mas se hoje, as pessoas vão atrás de seus direitos é porquê alguma informação chegou à elas, que as fizeram correr atrás.


É exatamente correndo atrás daquilo que eu acredito, que irei publicar aqui as coisas que me interessam - acabei de falar sobre o interesse no jornalismo, viu como é difícil ser "imparcial" nessa profissão? -, e farei da melhor forma. Do jeito que eu sou. Bom, ruim, certo, errado, legal, chato, torto ou direto. Mas, sempre e eternamente querendo o melhor. 

Arquivado em:  

5 Caiçaras comentaram:

  1. Nem sei se pode comentar aqui, justo no "Sobre o Autor", mas PRECISAVA dizer que você me descreveu todinho nessa sua auto mini biografia.. rs!
    Desde o signo até os detalhes de temperamento e o que as pessoas pensam ao nosso respeito! É incrível, mas sua descrição foi perfeita! Tão perfeita que, confesso, me senti tentado a copiar o texto na íntegra e utilizar como MINHA auto mini biografia! Haha!
    Claro que não faria isso... Mas, que deu vontade, deu.

    Abração, Alê!
    Até qualquer hora dessas pra bater um papo, já que você não se contenta com os esteriótipos, né?! rs!

    http://www.opierrotmalamado.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha só, eu realmente sabia que eu não era o único 'boladão' do planeta, haha! Eu acredito bastante nesse lance de signos e personalidades, e digo que a partir dessa afinidade surgem os amigos! Fique a vontade em usar a mini bio, só não se esqueça dos créditos! ;-)

      Abraços!

      Excluir
  2. Que legal conhecer um pouco mais de você. Sabe o que eu estava lembrando? O dia em que fomos juntos, em uma festa, organizada ainda pelo Arco Íris. Eu, devia ter uns 14 anos, tu lembra? rs

    Vida longa ao Caraguabeach:)
    abraços, querido :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, estamos (ou estávamos) tão perto, entretanto, "longes", mas enfim, c1est la vie en rose! haha... Nossa, preciso saber mais desse dia, minha memória é uma vaga lembrança no meu subconsciente! kkk

      Volte sempre! ao blog e à sua cidade! haha
      ;-) Abraços

      Excluir
  3. Só posso dizer que, até hoje, foi a melhor mini-auto-biografia que eu já li. Sem mimimi e direto, com super auto-conhecimento, sem medo ou hesitação!
    Enfim, agora te conheço um pouquinho e posso seguir o blog com vontade e prazer! :D

    http://gabryelfellipeealgo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir